Opinião

António Gomes

As chaminés não caíram, as chaminés foram derrubadas.

É este caminho, uma “cultura de destruição” que se tem sobreposto aos interesses públicos e coletivos, este desprezo pelo legado dos que viveram antes de nós, este apego à ignorância, tudo isto define um futuro bacoco e medíocre para esta terra.

Rui Alves Vieira

Startups, clínicas e estratégias

O vento agora sopra do norte, ali dos lados de Braga e, temos que a alterar a estratégia para nos adaptarmos ao clima. Por isso, à data de hoje, o edifício da ex CGD deixará de albergar sartups torrejanas e irá agora albergar a MKA Lda. que, na melhor das hipóteses, será uma clínica médica privada.

Graça Martins

Grande Revolta da Educação

(...)somos sobreviventes num País continuamente delapidado por políticas de baixa fasquia cultural, impulsionadora de desigualdades sociais e rica em desvarios financeiros onde se safa quem está ao lado do poder, tornando frágil a integridade, quando o verdadeiro poder é ser-se integro e inteiro(...)

António Gomes

Mais de 2 milhões a voar

O PEDU foi apresentado como a grande oportunidade para a revitalização do Centro Histórico, 7,3 milhões de fundos europeus garantidos, julgava-se que o mais difícil estava ultrapassado, o dinheiro. Mas no caso de Torres Novas o mais difícil não é o dinheiro é a incompetência, a ausência de planeamento e o foguetório adiantado.

Diogo Gomes

A estabilidade de uma corda bamba

Sobre a "estabilidade" da maioria absoluta e do seu governo.

Por iniciativa do BE a Assembleia Municipal de Torres Novas vai debater a descentralização de competências para as autarquias locais, já na próxima sessão (extraordinária) durante o mês de Outubro.

Texto da Moção apresentada:

Graça Martins, Vereadora do BE, questionou PS sobre várias situações de desleixo na cidade

O Bloco de Esquerda voltou a propor, na Câmara Municipal, o alargamento da gratuitidade aos cadernos de actividades para os alunos e alunas do 1 e 2.º ciclo do ensino básico. O PS votou contra chumbando esta medida e relegando o nosso município para uma posição imobilista face ao crescente número de autarquias que aprova medidas no sentido da gratuitidade da educação, na sua maioria geridas pelo PS.

"Torres Novas não tolera a violência contra as mulheres" será a mensagem do Município no próximo dia 25 de Novembro - Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres.

A Vereadora Graça Martins levou hoje à reunião de Câmara Municipal as preocupações do Bloco de Esquerda sobre os atentados ao ambiente no concelho que ao invés de diminuírem têm aumentado, perante a inércia das autoridades.

Páginas