Opinião

António Gomes

Frenesim

«O tempo que vivemos é propício ao nervosismo, ao vai-vai, ao tem de ser, ao lufa-lufa, é agora, não foi em quatro anos, nem em 30, mas é agora, o povo quer é obras novas»

António Mário dos Santos

Começam a escassear as alternativas

Perguntem-me se  acredito se Pedro Ferreira, ou António Rodrigues, serão capazes de resolver, ante a inevitabilidade da mudança,  os problemas concelhios. 

Rui Alves Vieira

DEIXEM O SOBREIRO EM PAZ

«Esta é uma questão que nos está a ser imposta “de cima para baixo”, e tem a ver com um modelo de cidade que eu considero abusivo e incompetente e que em nada nos diferencia nem nos projeta para um futuro melhor e mais atrativo da comunidade torrejana.»

Maria José Formigo

O desafio é grande, mas superável.

Sobre os resultados preliminares dos Censos 2021

António Gomes

Alguma seriedade

Se o debate da campanha prosseguir neste tom, dos mega-projetos e dos mega-milhões, perdemos mais uma oportunidade

Mariana Varela

Pensar a cidade

“Que dinâmicas sociais, culturais, económicas, territoriais, isto é, humanas, desejamos e devemos construir?”

António Gomes

Poderia ter sido diferente

Quando mais se precisa, é que os apoios devem chegar, uma política municipal com preocupações sociais era o que tinha feito a diferença no ano passado.

A Vereadora Graça Martins levou hoje à reunião de Câmara Municipal as preocupações do Bloco de Esquerda sobre os atentados ao ambiente no concelho que ao invés de diminuírem têm aumentado, perante a inércia das autoridades.

Páginas